Pular para o conteúdo principal

Laranjinha Água da Serra

Estou viciada em Laranjinha Água da Serra - talvez um dos vícios mais poéticos da minha vida. Durante os últimos encontros da Oficina Literária da qual participei sempre tinha uma garrafinha dessas por lá. Não sei se pelo horário, pela fome ou pelo ambiente, mas achei a bebida muito boa. Desde então, sempre que posso compro uma Laranjinha para mim, como se buscasse a fresca lembrança desses bons momentos.

Já comprei outros refrigerantes do Água na Serra, mas nenhum é tão bom quanto a Laranjinha. Essa é, oficialmente, a minha bebida para inspiração, hehe.

Falando nisso, não sei ainda se vou participar de uma nova oficina nesse ano. Aliás, tentar participar de verdade, por mais que às vezes fique meio complicado. Não me importo muito com certificados de presença - ainda mais quando não os mereço - mas gostaria de ver algo diferente por agora. E que não fosse logo no sábado de tarde, que às vezes é ocupado pelo meu trabalho.


Comentários

Marilia Kubota disse…
Tem outras oficinas durante a semana, à noite (bate com teu curso). Não tem nenhuma à tarde, pela Fundação cultural. Quem sabe seja bom propor uma à Lina, para estudantes,eh eh.
Tem oficinas no Solar do Rosário e no Celin, não sei os horários.
Laranjinha da Serra até poderia patrocinar uns eventos culturais, eh eh. Adotá-los-mo-ia em oficinas e bebemos-lo-ia.
beijão