Pular para o conteúdo principal

[11 de outubro de 2011]

Pessoas de todos os lados, andando rápido, sem parar para pensar. Sem ver os anúncios, as outras pessoas, o que estava acontecendo. Os trens com horários precisos, lotados de pessoas com celulares em punho, lendo qualquer coisa, dormindo, cambaleando pro lado, a moça dorme e roça os cabelos tingidos no ombro do senhor que dorme também - ou será que finge dormir? Pronto, pegar o trem errado significa chegar muito mais rápido aonde não se quer. Pergunta daqui, pergunta dali, entende-se metade mas se chega lá. Duas pernas e uma boca levam você a qualquer lugar.

Comentários

Anônimo disse…
Olá li seus relatos no Tadaima! adorei, gostaria de saber como é estudar nesta universidade.
Poderia me contar? Como são as aulas? Usa-se o português?

Estou no Japão e tenho pesquisado para entrar aí; mas estou insegura.

Um abraço!
Boa Sorte!
Mylle Silva disse…
Olá, posso te falar sim, mas acho que você precisa se identificar para eu saber com quem estou falando, haha