Pular para o conteúdo principal

Tubo de Bambolês

A pequena passou debaixo da catraca do tubo Pinheirinho na Rui Barbosa e desatou a correr com seu vestido florido. Era um dia de sol depois de quase duas semanas de chuva em Curitiba e os adultos estavam todos em fila esperando o ônibus chegar. Em fila também correram as mulheres atrás da criança que se deliciava zanzando entre os grandes bambolês do tubo enquanto as demais gerações pediam até a ajuda de Deus para rapa-la. Esperta foi a irmã adolescente que, ao invés de permanecer na fila, foi pelo outro lado para cercar a criança, que logo estava na segurança dos braços da mãe levando uma bronca de leve, dessas que as mães sensatas dão em público. Um pena ela ter deixado de correr.

Comentários